Logo Corretores de Seguros
Fenacor

Site para
Corretores de Seguros
CONTRATE AGORA!

Sites Responsivos

Ajusta-se a tablets e celulares,
aparecem mais na busca do Google.

Blog
SEO
Facebook Ads
Google Adwords
Sites Personalizados

Consulte-nos

Benefícios


Site Responsivo
Padrão ou Personalizado
Chat Online
Suporte
10 contas de e-mail
Atualização de conteúdo

Veja os modelos Padrão

Valores


Taxa de Instalaçao do Site Padrão
R$ 379,90 (parcela única)

Mensalidade
R$ 39,90

Faça sua Inscrição

MODELOS


Sites Responsivos ajustam-se às telas dos dispositivos eletrônico, reposicionando automaticamente os elementos do site em cada dispositivo utilizado, a fim de mantê-lo funcional em vários formatos e tamanhos de tela.

Ter um site responsivo, é fundamento para que sua empresa se destaque nos mecanismos de buscas.

O Site Responsivo também possibilita ao usuário uma experiência agradável na navegação.

Com conteúdos relevantes e posicionamentos adequado de cada item inserido no site, o cliente recebe informações claras e objetivas sobre sua empresa e seu produto.

ESCOLHA SEU MODELO

Clique nos botões abaixo e veja as cores dos modelos e um exemplo de como ficará seu site.

Clique nos botões abaixo e veja as cores dos modelos e um exemplo de como ficará seu site.

Clique nos botões abaixo e veja as cores dos modelos e um exemplo de como ficará seu site.

Clique nos botões abaixo e veja as cores dos modelos e um exemplo de como ficará seu site.


Bradesco Saude

Notícias do Mercado de Seguros

​Mudanças climáticas: Seguro pode mitigar as perdas dos agricultores
Qua - janeiro 23, 2019 11:37 am  |  Artigo Acessos:955  |  A+ | a-
Fonte: M.S. - Revista Apólice

Projeções indicam que prejuízos anuais decorrentes de inundações e tempestades podem superar a cifra de R$ 6 bilhões.

As perdas decorrentes de eventos climáticos estão entre os principais entraves enfrentados por agricultores no Brasil. Levantamento divulgado recentemente pela ONG alemã Germanwatch, durante a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 24), indica que o Brasil está entre os países que podem ter prejuízos anuais na ordem de R$ 6,5 bilhões, em virtude de inundações e tempestades.

A superintendente executiva de Seguros Gerais da Mapfre, Patricia Siequeroli, ressalta que a dimensão continental do Brasil traz aos produtores desafios muito particulares, dependendo da região do país onde estão localizadas as plantações. Enquanto no Nordeste os agricultores sofrem com a falta de chuva, no Sul e Sudeste, o problema é o excesso de tempestades.

As mudanças climáticas têm dificultado cada vez mais a previsão destes eventos. Por este motivo, de acordo com a especialista, os agricultores precisam cada vez mais contar com formas de reduzir os prejuízos e garantir a sustentabilidade dos seus negócios, e o seguro pode ser um excelente aliado para isso.

Patricia destaca que o mercado já disponibiliza apólices que protegem contra perda de produtividade da lavoura em decorrência eventos climáticos, como chuvas excessivas, incêndio, queda de raio, tromba d’água, ventos fortes, friagem, granizo, seca, geada entre outras.

“Os seguros disponíveis hoje podem resguardar o agricultor em diferentes situações, protegendo apenas a colheita ou garantindo o pagamento das obrigações junto às instituições financeiras que custearam o plantio, por exemplo”, comenta a executiva. “Por isso, é muito importante que os produtores consultem um corretor para contratar a apólice mais adequada à sua necessidade”, destaca.

A superintendente comenta que outro ponto que precisa de especial atenção dos produtores são os maquinários utilizado na atividade rural. Os processos de plantio e colheita estão cada vez mais mecanizados, o que permitiu uma escalada na produtividade, porém os equipamentos estão com o valor cada mais elevado. E o problema em um equipamento pode significar o desembolso de uma grande quantia que não estava prevista.
Top